Como fazer cristais de bismuto

0

cristalização do metal bismuto
Bismuto puro é famoso por formar ‘cristais’ muito bonitos. O procedimento é relativamente simples.

Para se conseguir uma boa peça de bismuto basta aquecer o bismuto até o seu ponto de fusão (271,5 °C) e deixar o material resfriar lentamente. A fina camada que se forma sobre o metal ainda líquido normalmente contém alguns contaminantes e pode ser removida antes do resfriamento.

O que pode tornar o processo um pouco mais difícil e trabalhoso é a eventual presença de alguma impureza. E as cores ficam mais belas se o cristal ainda quente é exposto ao ar permitindo que uma camada de óxidos coloridos seja formada sobre o metal.

Cabe o alerta que apesar do vídeo comentar que o bismuto não é tóxico, é interessante ter cuidado para se minimizar o contato com o material. A toxicidade não é tão alta se comparado ao chumbo, mas o bismuto ainda assim pode representar algum perigo; como por exemplo a falha renal em casos de exposição crônica.

Vídeo com legendas em português. Clique no botão CC no vídeo para ativar a exibição das legendas.

Texto e legenda escritos por Prof. Dr. Luís Roberto Brudna Holzle.


______________________________________________________________________

Curta nossa página no Facebook!


______________________________________________________________________

Nenhum comentário

Deixe um comentário