Elementos químicos super pesados

0

sigurd hofmann mostra equipamento
Darmstadt, na Alemanha, é uma cidade com um grande significado para a tabela periódica. Foi nesta localidade, no centro de pesquisas GSI, que pelo menos seis elementos da tabela periódica foram sintetizados – bóhrio, hássio, meitnério, darmstádtio, roentgênio e copernício.

Martyn Poliakoff, do canal Periodic Videos, fez uma visita ao centro de pesquisas e mostra como esses elementos químicos foram sintetizados.

O processo para se fazer elementos super pesados basicamente consiste em acelerar elementos mais leves para forçar uma colisão e fusão destes com um alvo no qual estão localizados os elementos mais pesados para então (com sorte) conseguir a formação de um elemento super pesado.

A instabilidade dos átomos formados é tal que o processo precisa ser meticuloso e preciso, com acelerações de átomos em uma velocidade em torno de 10% da velocidade da luz. A eventual obtenção de um átomo desejado precisa ser confirmada em um detector, que por vezes só consegue detectar o processo de decomposição.

O sistema é tão sensível que existe uma curiosa história, contada por Martyn no vídeo abaixo, de uma estação de rádio que estava interferindo com a precisão do experimento em um determinado horário.

Vídeo com legenda em português. Veja como ativar a exibição.

Perceba que o elemento darmstádtio foi batizado com esse nome em homenagem à cidade e o centro de pesquisas.

Texto e legenda escritos por Prof. Dr. Luís Roberto Brudna Holzle ( luisbrudna@gmail.com ).


________________________________
________________________________

Nenhum comentário

Deixe um comentário