Cádmio – um show de cores e reações

0
Oxidação do cádmio quando aquecido em presença de ar.

Inicialmente o cádmio ganhou fama como um componente em tintas, usadas em diversas aplicações, como nos famosos ônibus escolares amarelos. Atualmente as tintas amarelas não necessariamente contém cádmio em sua composição – apesar de ainda serem vendidas por algumas indústrias.

As baterias de níquel-cádmio foram muito comercializadas no passado, dando aos poucos espaço para tecnologias menos agressivas ao ambiente, como as de íon-lítio ou níquel-metal-hidreto.

O Maxim Bilovitskiy mostra no vídeo abaixo uma reação do cádmio com enxofre produzindo o belo sulfeto de cádmio (CdS) que possui aquele vibrante amarelo apreciado por pintores, como Van Gogh, Monet e Matisse.

Você poderá ver também as reações do cádmio com ácido nítrico e ácido sulfúrico. Além de uma precipitação de hidróxido de cádmio pela adição de hidróxido de sódio (NaOH).

Vídeo com legenda em português (Brasil).

Aviso! Não abra baterias que contenham cádmio em sua composição. O risco de intoxicação é alto.

Texto e legendas escritas por Prof. Dr. Luís R. Brudna Holzle ( luisbrudna@gmail.com ) – Universidade Federal do Pampa (campus Bagé) – Licenciatura em Química.


Nenhum comentário

Deixe um comentário